Se eu fosse um garoto

Por Nathálya Ananias

Se eu fosse um garoto
Nem que fosse por um dia
Eu não teria brinquedos que remetem ao meu futuro de dona de casa
Não teria uma boneca para cuidar
Brincaria de tudo o que eu quisesse
E seria sempre o super herói da história
Não teria que amadurecer logo cedo
Olharia debaixo das saias das meninas
Porque vocês ririam das minhas peripécias

Se eu fosse um garoto
Eu não planejaria a minha vida com base em uma família
Me imaginaria uma estrela do rock
Transaria sem me preocupar em ser taxado
Não seria exclusivo, porque afinal ninguém me possui
Se branco, me imaginaria sempre nos cargos mais altos
Eu teria um mundo todo para desbravar
Porque sei que grandes não seriam as dificuldades para mim

Se eu fosse um garoto
Beberia com os amigos
Faria coisas estúpidas sem me importar
E seria protegido
Me colocaria em primeiro lugar
E me vestiria como quisesse
Não teria problemas ao cortar meu cabelo curto
E mesmo estando acima do peso me veria desejado
Porque afinal eu seria um cara normal

Se eu fosse um garoto
Dirigiria sem o pressuposto de mau motorista
Não aceitaria um não como resposta
Voltaria sozinho para casa a noite
Iria para as forças armadas
E defenderia meu país
Abortaria quando quisesse
Ficaria nervoso a qualquer momento
Não teria receio em ser mal educado
E teria um mundo todo construído para mim

Mas eu não sou garoto
E preciso viver restritamente
Meus brinquedos me mostram a posição que eu devo assumir dentro de casa
Preciso sentar sempre de pernas fechadas
Não posso usar um decote sem ser provocante

Não posso ter o cabelo curto e ser “feminina”
Não tenho o direito de ser quem eu quero
De decidir o que quero fazer com o meu corpo
Porque independente do que eu faça serei vadia

E quando eu acho que tudo isso está errado
E decido me livrar do que você me impõe
Sou louca, histérica
Feminista sem coração que defende a morte
Sou a mal amada
A que precisa de um homem para me mostrar o que é certo

Mas eu decidi jogar seus preconceitos pro ar
Ignorá-losnathy img.
E com esta decisão percebi que não estou sozinha
Muitas estão ao meu lado lutando
E juntas, permaneceremos lutando
Até o dia em que nós mulheres tenhamos os mesmos direitos dos homens
Até o dia em que não sejamos culpabilizadas por algo que foi feito a nós
Até o dia em que possamos decidir sobre a nossa vida sem ter você nos julgando
Nos excluindo de grupos sociais
Podem nos chamar do que quiserem
Mas avançamos e não aceitaremos retroceder jamais!

Anúncios