Resultado do Processo Seletivo n º 1/2016

Devido à liberação de mais duas vagas, informamos que 8 pessoas foram selecionadas a princípio e não 6 como indicava o edital. Ressaltamos que dentre essas vagas, 4 são para bolsistas e 4 para voluntárias/os. Agradecemos imensamente a participação de cada uma/um e lembramos que no decorrer do ano mais pessoas podem ser chamadas seguindo a lista de espera.

Selecionadas/os:
Daniela Nunes (bolsista);
Matheus Lira;
Maritza Barcellos;
Giovanni Castiglionni (bolsista);
Grauther Nascimento (bolsista);
Carlos Roberto;
Débora Oliveira (bolsista);
Isabela Neves.
Lista de espera na ordem de convocação:
Cecília Rosal;
Amanda Luize;
Leonardo Santos;
Gabriela Morais;
Valéria Vânia;
Verena Serpa.

Em breve entramos em contato com as/os aprovadas/os.

Anúncios

2 thoughts on “Resultado do Processo Seletivo n º 1/2016

  1. João Luiz Pereira Tavares

    A volta de decoro no Brasil:

    UM MOMENTO, APENAS UM!, SUI GENERIS. EIS:

    Em 2016 houve fato fabuloso sim, apesar de Vanessa Grazziotin falar que não, dessa forma assim:

    “O ano de 2016 é, sem dúvida, daqueles que dificilmente será esquecido. Ficará marcado na história pelos acontecimentos negativos ocorridos no Brasil e no mundo. Esse é o sentimento das pessoas”, diz Grazziotin.

    Mas, por outro lado, nem que seja apenas 1 fato positivo houve sim! É claro! Mesmo que seja, somente e só, um ato notável, de êxito. Extraordinário. Onde a sociedade se mostrou. Divino. Que ficará na história para sempre, para o início de um horizonte progressista do Brasil, na vida cultural, na artística, na esfera política, e na econômica. 
    Que jamais será esquecido tal nascer dos anos a partir de  2016, apontando para frente. Ano em orientação à alta-cultura. Acontecimento esse verdadeiramente um marco histórico prodigioso. Tal ação acorrida em 2016 ocasionou o triunfo sobre a incompetência. Incrementando sim o Brasil em direção a modernidade, a reformas e mudanças positivas e progressistas. Enfim: admirável. 

    Qual foi, afinal, essa ação sui-generis?

    Tal fato luminoso foi o:

    — «Tchau querida!» [impeachment de Dilma].

    Eis aí um momento progressista, no ano de 2016. Sem PeTê.

    Feliz 2017.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s